28 de dez de 2010

Insetos

Outro dia estávamos nos arrumando pra jantar no clube (no quarto, no ar condicionado) e assim que chegamos na sala eu levei um susto!
Tinham vááárias formigas voadoras...Parecia até praga!




Mas quando passamos a porta pra varanda (onde a luz estava acesa) que vimos realmente o que nos esperava!



Consegui tirar uma de pertinho pra vocês verem os detalhes delas!
Eu odeio estes bichinhos!! Eles cismam em pousar na gente, incrível!!
No clube, tinham muitos mais, mas a máquina ficou em casa e eu não tirei foto [ :( ]. Mas pra vocês imaginarem, eu me senti dentro de uma tela daquelas que apicultor manuseia, que quando eles puxam cada telinha tem milhares de abelhas andando...senti isso porque o clube é todo telado e as formigas (a grande maioria) ficaram por fora.




Com a animação da noite, acabei até esquecendo delas...
Quando cheguei em casa, olha o que eu vi na área:



Muitas e muitas no meu lençol que estava pra secar!! Ah que ódioooo!
Quem se deliciou foi a Francis... Fiquei dias e dias vendo formigas mortas no cocozinho dela!! hihihi!


Agora, diretamente da selva, a barata azul!!




Esse é conhecido, né?? achei ele tão lindo! Parecia uma folhinha...




Essa foto agora é pra mostrar que nem todos os insetos são bonzinhos ou inofensivos. Um dia, eu estava aqui em frente de casa, que tem um gramadinho. De repente senti uma coceirinha e olhei meu joelho. Parecia uma picada de mosquito, porém, logo depois, o joelho começou a inchar e inchar!
É o esquerdo de vocês...



O pior foi depois. O inchaço diminuiu muitooo, mas ficou dolorido (que nem dor de roxo, sabe?) por mais de 3 dias.
Já sabem que eu não paro mais em cima da grama, né? O pior que eu nem sei a cara do inseto que fez isso!





22 de dez de 2010

O Monstro do cano

2Antes de chegar no PEF, todas as pessoas que já tinham vindo aqui me faziam a constante pergunta: "E você? Tá preparada?". Depois da quarta pessoa me questionando isso, resolvi perguntar: "Tô, por que?". E a resposta também era padrão: "ah, lá é muito bom, super calmo, seu marido vai estar sempre pertinho de você, mas é afastado e... tem os bichos, né?"

Para que eu imaginasse a quantidade de insetos, exemplificaram: "as esposas lá, se visitam de carro.". Gente... vocês viram que a distância de uma casa pra outra é mínima...
Eu não sei se a gente deu sorte ou se os bichos foram com a nossa cara, mas até agora eu não vi a "nuvem" de mosquitos que o povo falou! O Hermani diz que é porque ainda não estamos na "época".



Enfim, essa era só a introdução. Esse post é pra contar uma história que não é minha, mas sim da minha amiga carioca Gabi.


Outro dia, estávamos reunidas na cozinha da Gabi promovendo um rodízio de pizzas... Fazendo as massas, os recheios... que por sinal, ficou uma delícia!












Enquanto a gente dava a vida às pizzas, conversa vai, conversa vem, escutamos um barulho vindo da área de serviço. Um barulho característico de um bode gripado...um "béééé", só que super grave, tipo um "boooééé" (queria tanto que você sconseguissem imaginar o jeito certo). Automaticamente, todas nós olhamos pra fora, esperando que um dos bodes aqui do PEF estivesse no quintal (na verdade, EU esperava que ele estivesse no meu cangote, de tão alto que foi o barulho). Mas não tinha nenhum bode ali...



Olhamos com cara de ??? pra Gabi e ela muito tranquila disse: " Vocês escutaram?? Ih, gente, não liga não... é a minha máquina de lavar."






Todas se conformaram e continuamos na arte de cozinhar... De repente, novamente, o barulhão... Aí começamos a analisar: eu perguntei se tinha algum padrão de intervalo do barulho (se acontecia em determinada etapa da lavagem) e a resposta foi não, até porque a máquina estava desligada... na tomada e tudo.
Parênteses: A Gabi tem agonia de bichos. Na casa dela já apareceu aranha, cobra, sapo e ela não está gostando nada disso!
Eu e a outra Gabi (é... somos poucas famílias e temos 3 Gabis... hihihi) começamos a olhar a máquina de perto (demos um tempo nas pizzas, para desvendar o mistério) e a dona da máquina: "Gente, desde o primeiro dia que eu liguei a máquina tem esse barulhão. até o meu marido escutou... ele que descobriu que era a máquina."
Mas não caímos nessa história... Vimos que ao lado da máquina, na parede, tem um cano para saída da água, mas que a Gabi não estava utilizando. Pronto... tinha algum bicho ali dentro! Mas a Gabi (morrendo de medo) insistia que era a máquina.


Mas as dúvidas não cessaram: seria um sapo? seria um morcego? a única certeza é que não era a máquina!
Voltamos para as pizzas, já que o "monstro do cano" (assim denominado pela dona da casa, agora quase convencida de que realmente era um bicho, afinal, "o que os olhos não vêem, o coração não sente") não deu mais as caras, quer dizer, "as vozes". Mas... continuamos atentas.
Conversa vai, conversa vem. na hora que a Gabi falou um pouco mais alto, o "monstro" recomeçou a sua lamúria e tivemos certeza que vinha do cano. Provavelmente o som ficava alto por causa do eco, sei lá.
Mais tarde o marido da Gabi chegou e ela toda emocionada e medrosa foi contar a grande descoberta: "Tem um bicho no cano." E ele: "ah... o sapo?" A Gabi se mostrou surpresa: "Meu filho, você não tinha dito que era a máquina?????" ele ficou gago, nós rimos e a Gabi finalmente se desesperou!! Hehehe!



E, pra finalizar, logo depois apareceu a Raquel pra nos ajudar. Ela é a única, das antigas famílias, que vai ficar este ano conosco. Contamos tudo a ela, ainda rindo das caras e bocas da Gabi e da sua teoria da máquina. E antes que chegássemos ao fim da história, ela diz: "Ah é? Tem um bicho aí dentro, mas ninguém nunca viu, a antiga moradora achava que era um sapo."
Pronto, tudo confirmado!! Na verdade, não foi ele que invadiu o espaço da Gabi, e sim ela o dele. Afinal, que chegou primeiro? hihihi!


À noitinha, todos juntos, comemos pizzas deliciosase rimos mais um pouquinho da história do "monstro do cano"!!



hummmmmmmmmmmmm!!




20 de dez de 2010

Bodas de Papel

Ontem fez 1 ano do dia mais esperado da minha vida!

Foi no dia 19 de dezembro de 2009 que realizei um grande sonho: Minha festa de casamento!



Casei com o homem da minha vida depois de longos 9 anos de namoro!



Apesar de estarmos tanto tempo juntos, trocar alianças é algo muito mais significativo!
É compromisso!
É entrega de vidas e almas!





E agora faz 1 ano que estamos nessa nova etapa! Aprendendo muito um com o outro (sim... ainda!) e sendo muito felizes!



Casamento é compreensão, é paciência, é amizade!
É acordar e dormir todo dia junto!
É gostoso, é difícil!
É muitooooooo BOM!
Aconselho! hihihi!



13 de dez de 2010

Coisas de PEF

"Dois homens olharam através das grades da prisão; um viu a lama, o outro as estrelas."

Outro dia li essa frase e me vi nela...
Calma... não considero que estou em uma prisão... longe disso! A frase me tocou, pois é muito do que sinto depois que cheguei no PEF.
Estamos muito longe de nossa família e amigos, não temos muitas opções de lazer, provavelmente não poderemos viajar, quase todo dia falta luz, mas tento ver esta experiência como única em nossas vidas!
Também temos muitas coisas boas aqui, o contato com a natureza é incrível. Eu e o Hermani estamos super próximos. E estresse zero.
Com certeza quando olhamos para fora, estamos vendo as estrelas.

Esse post é pra mostrar um pouquinho de nossa nova vida.

Viver no PEF:

1) É sair pra comprar pão de manhã, se deparar com esta vista pro rio e encontrar os animais pastando!



2) É sair pra caminhar no fim da tarde e antes de pegar a "estrada", nos deparar com 2 arco-íris enormes (sim, são 2... um está mais fraco, quase 1 dedo acima, enxergaram?).




3) É em plena terça-feira á tarde, ir pra piscina do clube.





4) É vibrar quando podemos beber Coca-Cola (momento raro).






5) É faltar luz no meio da missa de um casamento e o padre precisar de uma vela pra continuar lendo os textos.





6) E do lado de fora da igreja ter mais de 30 papagaios gritando que nem uns loucos atrapalhando a cerimônia (ainda mais que estava sem microfone por causa da falta de luz)




ps: e eu saindo no meio da cerimônia pra registrar isso! hauhauhau!



7) É aproveitar a "festa" de casamento, por não termos muitas distrações, mesmo ela sendo ao relento (muitos e muitos insetos em cima da gente).






8) É olhar todo dia pela janela, por volta da 18:30, e ver um lindo pôr do sol (que cada dia é diferente).





Como eu veria lama nisso???













5 de dez de 2010

A arte de ser Mãe!

Você está pronto para ter um cachorro??



Este post vai especialmente pra minha cachorrinha Francis! E também pra todos os meus amigos que depois que viram minha filhote, comentaram comigo que também queriam um!







Acordar (literalmente... ela me acorda às 6h) e horas depois ver essa figurinha tomando sol com as perninhas cruzadas... não tem preço!







Ter um filhotinho é gostoso demais, mas você tem que saber que não é fácil!
Hoje a Francis completa 15 semanas (3 meses e um pouquinho) e está na fase do "Rebelde sem causa". Fiquei sabendo disso porque ela está sapeca demais e resolvi pesquisar no site Dogtimes.com.br (muito bom). Olha o que achei lá:

"De 13 a 16 semanas de vida: é quando o pequeno meliante resolve testar toda a paciência dos seus donos. ele vai tentar te morder, mesmo que pareça de brincadeira, dominar e testar para ver quem será o líder da matilha."

É... minha filhota, COM CERTEZA, está nessa fase!
Consegui tirar uma foto dela tentando me morder enquanto eu queria fazer um carinho!





Paciência é a chave pra você educar seu filhote. Tempo também é muito importante, porque ele vai teimar e você não pode desistir!
Adivinhem a palavra mais dita na casa depois da aquisição de nossa filha??
R: Não!!
Acho que é dita umas 50 vezes no mínimo! Por mim e pelo Hermani!

Ah!! Não ter apego a coisas materiais é uma característica importante para ser pais de um cachorrinho!
Olha o que a Francis aprontou com o meu chinelo! E não foi de birra nem nada! Nós estávamos em casa... mas tá no chão... é dela!




Alguns dias depois, a vítima foi o Hermani!! Eu avisei: "guarda o chinelo no armário". Mas como todo bom marido, ele NÃO me escutou... e se deu mal! Francis ataca novamente!





No último sábado, ficamos praticamente o dia inteiro fora de casa. Quando chegamos, um furacão tinha passado na área. O nome do furacão: Francis!
O filhote quando fica sozinho geralmente faz esse tipo de coisa. Eu que dei mole em deixar mais um chinelo ao alcance dela...
E olha o estado da fralda... em pedacinhos!

Mas apesar de todo trabalho que dá, é bom demais!!
A Francis faz com que o meu dia passe mais rápido! Ela é minha companheira (fica o dia todo atrás de mim) e me ensina um pouquinho a ser mãe... hihihi
E ela só me surpreende!!
Outro dia, ela sumiu!! Fiquei desesperada, comecei a procurar em todos os cantos possíveis e depois de vasculhar tudo, já pensando que alguém tinha passado por aqui e roubado a minha filhinha, entro no quarto e vejo isso!!
Ela estava lá... do meu ladinho, como sempre... quietinha, dormindo!!
Não vale a pena???














3 de dez de 2010

Lar, doce lar!

Apresentando: Minha Casa no PEF

Depois eu coloco mais fotos da frente da casa, pois no momento estamos trocando as telas (meu escudo contra os insetos) e não está muito apresentável!

Moramos no PNR2. Em breve, nossos nomes estarão junto com o número da casa (plaquinhas de madeira).

Essa é a nossa varanda! Ela é bem extensa, acompanhando a frente da casa! A sala e todos os quartos dão para a rua.
A rede foi a minha melhor aquisição antes de sair de Guajará!! É muito bom relaxar nela... Ainda mais durante o pôr do sol! Logo logo posto algumas fotos pra vocês terem noção de como é!



Entrando na sala.
De um lado...



...e do outro!



Logo em frente a porta principal, temos outra porta, que dá pra uma sala (telada, sempre) onde tem uma churrasqueira.




Achei bem legal, mas sendo sincera, não sei se um dia a usaremos. Como temos o clube bem estruturado, acho que ela vai ficar de lado.


O corredor da casa. Virando a primeira porta à direita, entramos na cozinha...



Direita!


Esquerda!



Ah, e aqui o cantinho da comilança da Francis! hihihi!


A área de serviço (enorme)!
Antes que me perguntem, aquela geladeira é da casa, mas como eu trouxe a minha, tivemos que colocar ela pra fora. E aquele sacão preto são algumas caixas vazias que guardamos para a próxima mudança. É muito difícil encontrar caixas boas.



O banheiro de fora!


E esse virou um quartinho da bagunça/despensa de material de limpeza.
Essas camas são todas da casa. Quem quiser nos visitar, caminha é que não falta!



A despensa com os alimentos fica no corredor.


Esse é o quarto do Hermani. Calma... deixa eu explicar! Como a casa tem 3 quartos, dividimos os outros dois entre o casal. No dele, ficam todas as coisas do quartel (no armário) e o computador, tipo um escritório. No meu, ficam os meus bagulhos... huahau! E como eu sou bagunceira, ainda não tá pronto.. então, sem fotos!! É igualzinho a esse, só que com uma cama de casal.


O banheiro! Rodando da esquerda pra direita (a minha câmera não faz panorâmica na posição vertical).


E o ninho de amor! hihi!




Realmente, a casa é muito boa! Todos os armários embutidos... bastante espaço!
Mas ainda falta mostrar a parte de fora e a garagem. Assim que acabarem a reforma das telas, eu coloco aqui!!

Espero que tenham gostado! Sejam sempre bem vindos!!
Bjoss

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...