24 de fev de 2011

Francis completa 6 meses!

É... ela já não é mais um bebezinho!
Já está ficando mocinha (literalmente - o primeiro cio pode chegar a qualquer hora) e está enorme.


 24/08/2010          -           24/02/2011

Continua levada: destruindo havaianas (se deixar dando mole), fugindo quando encontra o portão aberto (cuidado redobrado agora por causa do cio, né?), chorando à noite, pedindo comida, latindo sem motivo e por aí vai...
Mas, com tudo isso, ela ganhou nossos corações! O Hermani tbm é apaixonado por ela!

É minha companheira leal! Não sei o que seria de mim aqui no PEF sem ela. Até porque parte do meu tempo e atenção são pra ela, né?? Assim todos os dias passam mais rápido!




FRANCIS, TE AMOOOO!


Essa fotinho é pra ilustrar a paixão dela pela Lobinha (comentada aqui). Ela estava chorando e quando saí pra ver o que era, me deparei com essa cena. Claro... corri pra pegar a máquina...
Essa cachorra é muito carente mesmo!! hihi!




15 de fev de 2011

E o Rio tá subindoooo!

O que nos separa da Bolívia, para quem não sabe, é o Rio Guaporé (ô saudade das águas salgadas!!).
Hoje quero mostrar a variação desse gigante no que chamam "estação seca".
Ela acontece, com variações, de junho a novembro (que é quando não chove na Amazônia). Nessa época, formam-se praias (de água doce) ao longo das margens do rio.
Quem quiser me visitar (hauhauhau), venham em julho, que é quando acontece em Costa Marques - o Festival de Praia, com shows e tudo mais...

Minha amiga Lia,  quando veio de visita ao PEF (em Novembro) tirou fotos lindas das praias que se formaram ao longo do caminho de Guajará pra cá. Vou colocar umazinha pra você verem:




E lá na areia (conseguem ver??) estão os biguás. São as "gaivotas da selva". hihi! Aqui tem muito biguá mesmo! Olhem nas fotos a seguir:



No dia 07 de janeiro, estava eu aqui em casa (de frente para o rio) e escuto minha amiga Gabi me chamando pra ver uma coisa espetacular!!


Segundo alguns soldados, esse fenômeno aconteceu porque como estamos na época de cheia (dezembro a maio), as praias estão deixando de existir e todos esses biguás migram pra outras terras (quais eu não sei - acredito que para o sul da América). A revoada durou mais de 6 minutos. Acho que passaram muitos milhões de biguás.

Da minha janela já dá pra notar a diferença do rio. Está bem mais cheio, mas ainda não chegou nem perto dos anos anteriores. Metade dessa escada já era pra estar debaixo d'água (ô aquecimento global, dá um tempo vai!).


22/12/2010                  -                  03/02/2011

8 de fev de 2011

Lobinha, a mascote do PEF!


Hoje, apresento: Lobinha!!


Reza a lenda que a Lobinha virou a mascote do PEF depois do seguinte episódio: Algum comandante que passou por aqui, achou uma solução para os muitos cachorros "de rua" que estavam doentes, leprosos e tal. Ele decidiu abandoná-los na outra beira do rio (na Bolívia). A Lobinha (nessa época ela era uma qualquer), de alguma forma, conseguiu retornar para a nossa beira do rio!
Alguns dizem que ela voltou nadando, outros dizem que algum pescador deu uma "carona" pra ela...
Enfim, depois desse episódio, ela passou a ser cuidada e pertencer aos moradores militares daqui.




Já faz um tempinho (foi assim que consegui arrumar a casa depois da mudança), deu uma chuva bem forte aqui. O nosso portão da garagem estava quebrado e não conseguíamos fechá-lo. De repente escuto o Hermani gritando lá da sala: "Não, Lobinha... SAI!!!". Corri pra ver o que estava acontecendo e me deparo com a seguinte cena: Lobinha toda molhada, enxarcada mesmo, no meio da minha sala. Hermani tentando empurrá-la pra varanda e ela empacada (não é boba nem nada, né?). De repente, ela levanta e prepara aquela bela sacudida que os cachorros dão para secar seus pêlos... No desespero, eu corri em direção a ela e gritei "Nããããooooo" (pra mim, parecia até aquelas partes de filme que para impactar mais o público, o diretor coloca em câmera lenta). Por fim, não adiantou gritar... levei foi um senhor banho!!
Aí, depois dessa, criei uma força sobrenatural e consegui tirar ela de dentro da sala. Ela ficou lá na garagem... E lá vou eu, pegar os materiais pra lavar a sala (ai, que raiva... foi bem no dia que a menina que trabalha aqui em casa tinha vindo pra limpar tudo).
Eu fiquei um pouquinho brava, mas entendo... Ela só queria um cantinho sem chuva e mais aquecido...

Acho que o mais intrigante da Lobinha, é que ela sempre está por perto!! Quando saio pra caminhar com as meninas, do nada surge ela, parece que é pra dar bom dia, muito fofa!
Ela é super carinhosa e simpática também.

Outro dia teve visita aqui no Pelotão: Vieram Comandantes do Exército e da Aeronáutica  e alguns civis. Gente... a Lobinha ficou acompanhando eles durante todo o percurso. Parecia que estava apresentando o lar dela a eles (como vocês podem ver abaixo).






E como companheira que é, ela está conosco em quase todos os momentos. Até nas festinhas e encontros no clube.





Até porque são nesses momentos que ela consegue fazer uma boquinha, né??
Olha ela lambendo os beiços depois de comer churrasco.


Ah!! Ela também é super protetora.
Sempre afasta os outros cachorros da gente (é... agora já tem um monte perambulando por aqui... tem que fazer uma limpa novamente). Bota eles pra correr, literalmente.

Quem ama a Lobinha de paixão é a Francis. Vocês acreditam que um dia ela pegou a Lobinha desprevenida e tentou mamar nas tetas dela... hauhauhua! E sabem o que a Lobinha fez? nada... é muito boazinha!!
Só não deixo a Francis brincar muito com a Loba, porque ela constantemente está com carrapatos e pulgas que acaba pegando dos outros cães. Ela também brinca muito com eles. E como nenhum é bem tratado, fico com medo da Francis pegar alguma doença de tabela. Não posso esquecer que a Loba, bem ou mal, é uma cachorrinha de rua, né??
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...